Home   |    Sobre a UDO   |   Troféu J. Agostinho   |   Academia J. Agostinho   |   Cross Torres Vedras   |   Memorial J. Agostinho   |    Outros Eventos   |    Contactos
Academia Joaquim Agostinho
Home
Sobre a Academia
Contactos
2017
  > Sub23
  > Juniores
  > Cadetes
  > Femininas
  > XCM
  > Masters
  > Paraciclismo
  > Escola de Ciclismo
  > Taça Joaquim Agostinho
  > Próximas provas
2016
2015
Academia J. Agostinho

Sicasal/Constantinos/UDO falha Top 10 na Bairrada

A equipa sub-23 da Academia Joaquim Agostinho deslocou-se mais uma vez ao norte de Portugal para participar na 3.ª Volta à Bairrada, entre os dias 23 e 25 de abril. Na primeira etapa, que ligou o Luso à Mealhada, Luís Mendonça alcançou o 9.º lugar, ficando a apenas 3 segundos do líder. A partir daí, o objetivo era tentar manter o chefe de fila da Sicasal/Constantinos/UDO no Top 10 até ao final.
Na 2.ª etapa, que ligou o Luso a Casal Comba, Luís Mendonça acabou por ter alguns percalços, mas conseguiu terminar no 9.º lugar e manter-se no 10.º lugar da geral individual. O próprio admitiu no final desta tirada de 169,5 quilómetros, que teria de dar tudo no contrarrelógio final para conseguir manter-se no Top 10. "Furei no Caramulo, a única montanha do dia e já bem perto do alto. O pelotão já ia muito fracionado, o que me obrigou a um enorme desgaste para voltar a reentrar no grupo principal. Contudo, depois desse enorme esforço, a força não voltou da mesma forma. O 11.º lugar na etapa foi o resultado possível. Amanhã termina a Volta, estou a apenas 3 segundos do líder...É dia de deixar tudo na estrada", afirmou. No último dia da Volta à Bairrada, o coletivo da equipa torriense esteve em destaque, com os atletas mais jovens da equipa a alcançarem excelentes resultados. Para o treinador, Hugo Lúcio, os resultados alcançados mostram a excelente forma desta equipa bastante jovem.
"O ojectivo era tentar manter o Top 10, apesar de sabermos que era muito complicado, porque as diferenças entre os primeiros eram muito reduzidas - 51 corredores separados por apenas 45 segundos.
Coletivamente fizemos um bom contrarrelógio, com destaque para o Tiago Antunes e Rafael Apolinário, que durante bastante tempo tiveram os melhores tempos, algo difícil quando estão profissionais como adversários. No final, o Tiago conseguiu o 19º melhor tempo da geral e 5º entre os Sub-23. Já o Rafael, alcançou o 33º tempo da geral e 10º melhor sub-23. Também destaco as excelentes prestações do Gonçalo Leaça, Marvin Scheulen, Emanuel Duarte e Miguel Santos, que mesmo com bicicletas que não estavam preparadas para contrarrelógio, conseguiram fazer bons tempos", destacou o treinador da equipa sub-23 da Academia Joaquim Agostinho.
Em relação ao chefe de fila, Hugo Lúcio elogiou o trabalho do atleta na prova.
"O Luís Mendonça, defendeu-se bem numa especialidade que não é a sua preferida, mas infelizmente não conseguir manter o Top 10 da geral, caindo no final para o 28º lugar", concluiu.
O grande vencedor da Volta à Bairrada foi Rafael Reis (W52-FC Porto) após ter feito um contrarrelógio irrepreensível.
« Voltar
UDO © 2015 - Todos os Direitos Reservados. Site Desenvolvido por: CyclopNet - Desenvolvimento de Sites Profissionais